Carregando...

Diálogos em Economia Criativa

A compreensão da cultura e da criatividade como motores do desenvolvimento econômico impulsionaram o crescimento da reflexão acerca da Economia Criativa e da Cultura. Nesse sentido, o projeto “Diálogos em Economia Criativa” promove diversas discussões debate desses temas, trazendo em cada edição especialistas nacionais e internacionais com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento das agendas de pesquisa das áreas de Economia Criativa e da Cultura.

Ao longo de 2017, o projeto entra em uma nova etapa, conciliando o fortalecimento da internacionalização, prioridade do OBEC e da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com a reflexão sobre os seguintes temas contemporâneos:

  • Valor Cultural e Valor Econômico da Cultura e da Arte;
  • Digitalização: as transformações no processo produtivo e novas formas de consumo;

Local

2017
Localização Mapa


MINICURSOS
Sala 43
Faculdade de Ciências Econômicas
Av. João Pessoa 52


CONFERÊNCIAS
Salão de Festas
Reitoria da UFRGS, 2º andar
Av. Paulo Gama 110

:

Conferência

2017
26
Julho
Imagem conferência

Economia Criativa e Políticas Públicas: experiências institucionais

Local: Salão de Festas da Reitoria
Horário: 19h – 21h

Segundo aponta a UNCTAD, em seu Creative Report (2010), a economia criativa é um dos setores da economia mundial que mais rapidamente tem crescido, não apenas em termos de geração de renda, mas na criação de empregos e receita de exportações. A Economia Criativa passou a ser vista pelos países, especialmente após o sucesso da experiência britânica, como uma maneira alternativa de promover não apenas o crescimento, como também o desenvolvimento econômico. Como consequência, o debate sobre Economia Criativa qualificou-se no âmbito público, resultando na implementação de políticas públicas visando o fomento de atividades culturais e criativas. Assim, a conferência irá promover o debate sobre as experiências locais na Argentina e no Brasil sobre as iniciativas públicas na promoção das atividades criativas e seus impactos.

Palestrantes
Palestrante

Mora Scillamá
Ministerio de Cultura de la Nación

Palestrante

Martin Dowle
British Council

Palestrante

Ana Letícia Fialho
Ministério da Cultura

Mediação
Mediador

André Moreira Cunha
Universidade Federal do Rio Grande do Sul

:

Conferência

2017
27
Julho
Imagem conferência

Valor Cultural e Vulnerabilidade Social

Local: Salão de Festas da Reitoria
Horário: 15h – 17h

Práticas de geração de valor cultural a partir do encontro entre atividades artísticas e culturais e ações sociais pode ser um meio efetivo de empoderamento social e de gênero. A partir dessa temática, o professor Paul Heritage propõe um encontro para livre reflexão e debate sobre esse sistema de valores e como acadêmicos podem encontrar meios para qualificar esse debate em uma perspectiva interdisciplinar.

Palestrantes
Palestrante

Paul Heritage
Queen Mary University of London

Mediação
Mediador

Leandro Valiati
Universidade Federal do Rio Grande do Sul

:

Conferência

2017
27
Julho
Imagem conferência

Valor Cultural e
Valor Econômico da Cultura

Local: Salão de Festas da Reitoria
Horário: 19h – 21h

A análise do impacto econômico da cultura implica em esforços qualitativos e quantitativos para compreender quais esferas da sociedade são afetadas, subsidiando assim políticas públicas culturais. A conferência irá abordar os conceitos de valor cultural e refletir acerca da importância econômica da cultura, bem como discutir os limites e as possibilidades das teorias de valoração econômica quando aplicadas ao setor cultural.

Palestrantes
Palestrante

Geoffrey Crossick
London University

Palestrante

Andy Pratt
City University de Londres

Palestrante

Leandro Valiati
Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Mediação
Mediador

Paul Heritage
Queen Mary University of London

:

Minicurso

2017
26
Julho
Imagem conferência

Mensuração do Impacto da Economia Criativa

Local: Sala 43 da Faculdade de Ciências Econômicas
Horário: 16h30min – 18h

O minicurso tem como objetivo realizar uma análise do histórico e conjuntura do dispêndio público em cultura no Brasil, bem como suas conexões com as políticas públicas construídas no Ministério da Cultura para os setores de Economia da Cultura e Economia Criativa ao longo da estruturação da Plano Nacional de Cultura. Serão contempladas a visão do projeto do Sistema de Estatísticas e Informações Culturais do MINC, das políticas públicas para Economia da Cultura da Secretaria de Economia da Cultura do MINC e também a visão do Instituto Jones Neves dos Santos.

Palestrantes
Palestrante

Víctor Toscano
Instituto Jones

Palestrante

André Moreira Cunha
Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Mediação
Mediador

Ana Letícia Fialho
Ministério da Cultura

:

Minicurso

2017
27
Julho
Imagem conferência

Reflexões sobre valor cultural e economia da cultura

Local: Sala 43 da Faculdade de Ciências Econômicas
Horário: 10h – 12h

Como o valor cultural pode ser produzido, disseminado e se tornar sustentável em uma sociedade a partir das Indústrias Culturais e Criativas? Quais de seus impactos podem ser reconhecidos e medidos? A partir dessas duas perguntas, os professores Geoffrey Crossick e a Andy Pratt vão propor um encontro para livre reflexão e debate sobre esse sistema de valores e como acadêmicos podem encontrar meios para qualificar esse debate em uma perspectiva interdisciplinar.

Palestrantes
Palestrante

Geoffrey Crossick
London University

Palestrante

Andy Pratt
City University de Londres

Realização

UFRGS NECCULT OBEC Catavento
MinC Governo Federal